Você está em: Home > Institucional > Artigos
Institucional
Artigos
Cinto de Segurança para Cães – Proteja seu amigo durante o passeio de carro

Cinto de Segurança para Cães – Proteja seu amigo durante o passeio de carro

Cinto de segurança para cães - É só abrir a porta do carro e falar a palavra “passear” que eles ficam todos eufóricos. Os cães adoram passear com seus donos, seja em uma caminhada ou de carro. Mas em ambas as situações de passeio com cães, precauções com a segurança devem ser tomadas. Ao passear com o cão na rua, sabemos que precisamos de uma guia adequada, dependendo da raça do cachorro é preciso colocar focinheira e sempre levar saquinhos de lixo para recolhimento das fezes. E quando vamos passear de carro? Quais são as precauções? O cinto de segurança para cães é fundamental! Vamos entender o porquê:

 

Um cão solto dentro do carro pode apresentar risco mesmo que ele seja quietinho, pois algo pode atrair a atenção dele e ele pode pular em seu colo para tentar alcançar ou latir para alguma coisa, causando susto e desatenção do motorista, o que pode ocasionar até acidentes.

 

O cinto de segurança para cães, além de proteger seu cão durante o passeio é uma exigência da lei. Quem for pego dirigindo com cão solto dentro do carro pode levar multa de trânsito. Além do cinto de segurança, ainda existem as caixas de transporte, que também podem ser usadas em aviões.

 

 

É possível viajar com cães usando o cinto de segurança?

 

Para você que pretende viajar com seu cão, saiba que isso é possível caso o local que você for aceitar animais. Cães pequenos e médios devem usar o cinto de segurança para cães ou a caixa transportadora e cães de grande porte, além dessas opções, também podem ser levados no porta-malas com grades de proteção.

 

Os cães podem estressar durante a viagem e ficar inquietos, o que mesmo usando o cinto ou dentro da caixa transportadora pode ser incômodo para quem estiver no carro, saber que seu cãozinho não está se sentindo bem. Por isso, é importante que ele se sinta seguro na viagem, para que isto aconteça leve sempre os pertences dele, como brinquedos, panos, junto dele e deixe a ração para cães que ele é acostumado a disposição. Além disso, faça paradas a cada 2 ou 3 horas para ele fazer xixi e andar um pouco.

 

 

 

 

Outras postagens: